Dinâmicas
 
As dinâmicas estão organizadas por volumes e divulgadas no site individualmente, para imprimir apenas a dinâmica dessa página clique no botão acima IMPRIMIR ESSA PÁGINA.

Agora se você desejar poderá salvar o arquivo contendo todas as dinâmicas desse volume na seção de download das apostilas, assim você terá várias apostilas de dinâmicas.
Clique para salvar as apostilas de dinâmicas
 
Confira as outras dinâmicas do volume 01
17. A Bala
Objetivo: Despertar a importância do outro. Despertar a solidariedade. Perceber o nosso individualismo. Descobrir soluções em conjunto com outras pessoas.

Material: Algumas balas. Dois cabos de vassoura ou varas. Barbantes.

Desenvolvimento: pede-se dois voluntários para abrir os braços. Por a vara ou cabo da vassoura nos ombros acompanhando os braços e amarrar os braços abertos na vara, para não dobrar.

Por as balas numa mesa e pedir aos dois para chuparem balas sem dobrar os braços que estão amarrados.

Analisar a dinâmica:

Como se sentiram?

O que o grupo observou? Poderia ter sido diferente?

Por que os dois agiram assim?

Isso tem alguma coisa com o nosso dia a dia?

O que acharam da dinâmica?

Pode confrontar com a Palavra de Deus?


Palavra de Deus: AT.4, 32-37 e Sl. 15

 

Ato dos Apóstolos AT.4,32-37

32 A multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma. Ninguém considerava propriedade particular as coisas que possuía, mas tudo era posto em comum entre eles. 33 Com grande poder, os apóstolos davam testemunho da ressurreição do Senhor Jesus. E todos eles gozavam de grande aceitação. 34 Entre eles ninguém passava necessidade, pois aqueles que possuíam terras ou casas as vendiam, traziam o dinheiro 35 e o colocavam aos pés dos apóstolos; depois, ele era distribuído a cada um conforme a sua necessidade. 36 Foi assim que procedeu José, levita nascido em Chipre, apelidado pelos apóstolos com o nome de Barnabé, que significa «filho da exortação». 37 Ele vendeu o campo que possuía, trouxe o dinheiro e o colocou aos pés dos apóstolos.

Salmo 15

1 Salmo. De Davi.
Javé, quem pode hospedar-se em tua tenda e habitar em teu monte santo?

2 - Quem age na integridade e pratica a justiça,

quem fala sinceramente o que pensa

3 e não usa a língua para caluniar;

quem não prejudica seu próximo, e não difama seu vizinho;

4 quem despreza o injusto, e honra os que temem a Javé;

quem sustenta o que jurou, mesmo com prejuízo seu;

5 quem não empresta dinheiro com juros, nem aceita suborno contra o inocente. Quem age desse modo, jamais será abalado!

 
 
xm732