Dinâmicas
 
As dinâmicas estão organizadas por volumes e divulgadas no site individualmente, para imprimir apenas a dinâmica dessa página clique no botão acima IMPRIMIR ESSA PÁGINA.

Agora se você desejar poderá salvar o arquivo contendo todas as dinâmicas desse volume na seção de download das apostilas, assim você terá várias apostilas de dinâmicas.
Clique para salvar as apostilas de dinâmicas
 
Confira as outras dinâmicas do volume 02
91. Somos criação de Deus e sofremos influência do mundo
Objetivo: Na adolescência somos facilmente influenciáveis por nossos amigos. Nesta dinâmica, queremos mostrar que Deus deve ser a principal influência em nossa vida, e que nem sempre agir como o grupo age ou exige é saudável para cada um.

Participantes: todos

Tempo: 45 minutos.

Objetivos: Na adolescência somos facilmente influenciáveis por nossos amigos. Nesta dinâmica, queremos mostrar que Deus deve ser a principal influência em nossa vida, e que nem sempre agir como o grupo age ou exige é saudável para cada um.

Material: papel e lápis suficiente para todos os participantes.

Descrição: Sentado em círculo, cada um recebe uma folha e um lápis; escreve o nome e faz umdesenho que represente a si mesmo (pode ser boneco de "palitinhos" ou com detalhes) deixar uns 2 a 3 minutos, incentivar os preguiçosos e os tímidos. Observar o desenho: ele está pronto, mais ou menos, o que você gostaria de fazer?

Passar o desenho ao colega do lado direito, pedir que acrescente uma coisa ao desenho, passar novamente para a direita, repetir o processo umas duas ou três vezes. Devolver o desenho ao dono.

Observar o que foi acrescentado. Conversar sobre Deus ter nos criado (e repetir as perguntas feitas c/ relação ao desenho), o que Ele quer de nós. E as pessoas c/ quem convivemos, nos influenciam (o que elas nos dizem pode nos influenciar, o que fazem professores, amigos, acrescentam algo a nós)?

Perguntar sobre a característica que nos diferencia das outras pessoas: que temos Cristo como nosso salvador; desenhar um coração na figura e desenhar uma cruz dentro dele. Será que estamos prontos aos olhos de Deus, o que mais falta em nós? (deixar um minuto de oração silenciosa onde cada um deve pedir que Deus termine de "desenhá-los")

Sugestão: recolher os desenhos e expô-los na igreja. Convidar os pais e a comunidade a ver os desenhos e escrever para cada um dos jovens uma palavra, um desejo, uma benção no papel (se o papel já estiver muito ocupado pelo desenho, grampear ou colar uma segunda folha ao lado do desenho, deixar canetas próximas); devolver o desenho aos jovens na semana seguinte.

 
 
xm732