Missa com crianças
 

Domingo de Páscoa: Jo 20,1-9
Missa elaborada por: Solange do Nascimento e Gisella Parreira Batista
Solange Nascimento – é autora da Missa com as Crianças e co-autora dos livros Jesus e as crianças. Sua formação acadêmica perfaz Pedagogia, Letras e Direito. É pós-graduada em Metodologia do Ensino Superior pelo UNIFOR-MG.

 
Você gosta da Missa com crianças?

Então compartilhe no FACEBOOK a missa dessa semana, clique no botão abaixo:

Obs.: Quando atualizamos a missa, você pode compartilhar novamente para que seus amigos também acompanhe a missa atualizada. Deus vos abençoe !
Compartilhe essa missa das crianças no facebook, para isto basta clicar no icone do FACEBOOK ou outro programa que você desejar compartilhar com seus amigos. Ajude-nos a levar a Palavra de Deus a todos.
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar essa reflexão para todos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
 
Páscoa do Senhor

Acolhida –Queridas crianças, Feliz Páscoa. Queridos pais, amigos da nossa celebração, uma feliz páscoa pra vocês também. Hoje, nessa celebração toda especial, comemoramos a ressurreição de Jesus e acho que tem aqui nessa casinha um amiguinho nosso muito confuso sobre tudo isso, sem entender direito o que é páscoa, vamos ouvi-lo? 

Joãozinho - Papai, o que é Páscoa?
Pai - Ora, Páscoa é... Bem... É uma festa religiosa!
Joãozinho - Igual ao Natal?
Pai - É parecido. Só que no Natal comemora-se o nascimento de Jesus, e na.
Páscoa comemora-se a sua ressurreição.
Joãozinho - Ressurreição?
Pai - É, ressurreição. Marta, vem cá!
Mãe - Sim?
Pai - Explica pra esse garoto o que é ressurreição pra eu poder ler o meu Jornal.
Mãe – Bom, meu filho, ressurreição é tornar a viver após ter morrido. Foi o Que aconteceu com Jesus, três dias depois de ter sido crucificado. Ele Ressuscitou e subiu  aos céus. Entendeu?
Joãozinho - Mais ou menos... Mamãe, Jesus era um coelho?
Mãe - Que é isso, menino? Não me fale uma bobagem dessas! Coelho! Jesus Cristo é o Papai do Céu! Nem parece que esse menino foi batizado! Ricardo, Esse menino não pode crescer desse jeito, sem ir numa missa pelo menos aos Domingos. Até parece que não lhe demos uma educação cristã! Já pensou se ele solta uma besteira dessas na escola? Deus me perdoe! Amanhã mesmo vou matricular esse moleque no catecismo! Ou senão vou levar ele para o padre Antonio explicar tudinho pra ele Joãozinho - Mamãe, mas o Papai do Céu não é Deus?
Mãe - É filho, Jesus e Deus são a mesma coisa. Você vai estudar isso no catecismo. É a Trindade. Deus é Pai, Filho e Espírito Santo.
Joãozinho  - O Espírito Santo também é Deus?
Mãe - É sim.
Joãozinho - E Minas Gerais?
Mãe - Sacrilégio!!!
Joãozinho - É por isso que a Ilha da Trindade fica perto do Espírito Santo?
Mãe - Não é o Estado do Espírito Santo que compõe a Trindade, meu filho, é o Espírito Santo de Deus. É um negócio meio complicado, nem a mamãe entende direito. Mas se você perguntar no catecismo a professora explica  tudinho!
Joãozinho - Bom, se Jesus não é um coelho, quem é o coelho da Páscoa?
Mãe - Eu sei lá! É uma tradição. É igual a Papai Noel, só que ao invés de Presente ele traz ovinhos.
Joãozinho - Coelho bota ovo?
Mãe - Chega! me deixa  ir fazer o almoço que eu ganho mais!
Joãozinho - Papai, não era melhor que fosse galinha da Páscoa.
Pai - Era... era melhor, sim... ou então urubu.
Joãozinho - Papai, Jesus nasceu no dia pai 25 de dezembro, né?
Pai - É.
Joãozinho  - Que dia que ele morreu?
Pai - Isso eu sei: na Sexta-feira Santa.
Joãozinho  - Que dia e que mês?
Pai- (???) Sabe que eu nunca pensei nisso? Eu só aprendi que ele morreu na Sexta-feira Santa e ressuscitou três dias depois, no domingo.
Joãozinho - Dois dias depois!
Pai - Não, três dias depois.
Joãozinho - Então morreu na quarta-feira.
Pai - Não, morreu na Sexta-feira Santa... ou terá sido na Quarta-feira de Cinzas? Ah, garoto, vê se não me confunde! Morreu na sexta mesmo e ressuscitou no domingo , no terceiro dia ! Como? Pergunte à sua professora de catecismo!
Joãozinho - Papai, por que amarraram um monte de bonecos de pano lá na rua?
Pai - É que hoje é Sábado de Aleluia, e o pessoal vai fazer a malhação do
Judas. Judas foi o apóstolo que traiu Jesus.
Joãozinho - O Judas traiu Jesus no sábado?
Pai - Claro que não! Se Jesus morreu na sexta!!!
Joãozinho - Então por que eles não malham o Judas no dia certo?
Pai- Ui...
Joãozinho - Papai, qual era o sobrenome de Jesus?
Pai - Cristo. Jesus Cristo.
Joãozinho - Só?
Pai- Que eu saiba sim, por quê?
Joãozinho - Não sei não, mas tenho um palpite de que o nome dele era Jesus Cristo Coelho. Só assim esse negócio de coelho da Páscoa faz sentido, não  acha?
Pai - Ai Coitada!
Joãozinho - Coitada de quem?
Pai - Da sua professora de catecismo
Pai – filho, vamos logo. Vou te levar lá na missa das crianças pra gente começar a entender melhor o que venha a ser ressurreição de Cristo
Joãozinho – Oba!!! Então hoje eu vou saber quem é Jesus Cristo ressuscitado.
Comentarista -    Agora,crianças, vamos ensinar para o Joãozinho o que é uma bonita celebração de páscoa todos em pé cantando com muita alegria para receber Jesus vivo , presente entre nós  que entra em procissão .

Ato penitencial –  Crianças , o evangelho irá narrar como  foi que Maria Madalena descobriu que Jesus tinha ressuscitado . Depois dela, vieram os apóstolos, homens simples que puderam sentir junto a ela   o poder de Jesus ressuscitado .Nossa reflexão de hoje se dará nessa base ...

Maria Madalena era uma pecadora, mulher do povo que vivia se metendo em confusões, depois que conheceu Jesus mudou totalmente sua vida e passou a segui-lo.

Quantos de nós conhecemos Jesus e continuamos  do mesmo modo? Sem ter compromisso com Ele , sem achar que nosso tempo é dele também , e que não estamos perdendo tempo quando estamos com ele ?

Quantos de nós  fazemos julgamentos precipitados dos   comportamentos dos outros, mas não medimos o nosso? Por que será que Jesus resolveu escolher uma pecadora e não um santo para poder divulgar essa sua ressurreição por toda a terra?  Será que é porque Ele acredita na mudança a ser ainda gerada em cada um de nós? Acredita em nossas atitudes de pedir perdão e nos redimir diante do que fazemos, de fato, errados?

E os discípulos? Por que Jesus escolheu homens simples do povo, homens rudes para assegurar a todo o mundo que Ele ressuscitou?Por que não escolheu aos reis, aos sumos sacerdotes, as pessoas mais letradas?

Acho crianças, que é porque Deus confia nos humildes, dispensa os soberbos e está sempre nos apontando o caminho para estar ao seu lado, o caminho da simplicidade, do perdão e do amor incondicional.

Não dá pra ser ambicioso demais e seguir Jesus, não dá pra ser egoísta demais e seguir Jesus,
Não dá pra ser injusto demais e seguir Jesus
Pois assim não saberemos nunca que Ele ressuscitou.
Por isso, por acreditarmos que somos pecadores, mas temos o grande amor de Deus que nos confia seu perdão e seu abraço de reconciliação, vamos cantar pedindo.

Leitura – Agora, sentadinhos e, em silêncio, vamos ouvir com atenção nossa leitura de hoje. O Pai ressuscitou seu Filho Jesus, Ele está vivo e é o eterno Senhor do céu e da terra.

Livro dos Atos dos Apóstolos:

Naqueles dias, 34aPedro tomou a palavra e disse: 37“Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judéia, a começar pela Galiléia, depois do batismo pregado por João: 38como Jesus de Nazaré foi ungido por Deus com o Espírito Santo e com poder. Ele andou por toda a parte, fazendo o bem e curando a todos os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com ele.
39E nós somos testemunhas de tudo o que Jesus fez na terra dos judeus e em Jerusalém. Eles o mataram, pregando-o numa cruz.
40Mas Deus o ressuscitou no terceiro dia, concedendo-lhe manifestar-se 41não a todo o povo, mas às testemunhas que Deus havia escolhido: a nós, que comemos e bebemos com Jesus, depois que ressuscitou dos mortos.
42E Jesus nos mandou pregar ao povo e testemunhar que Deus o constituiu Juiz dos vivos e dos mortos.
43Todos os profetas dão testemunho dele: ‘Todo aquele que crê em Jesus recebe, em seu nome, o perdão dos pecados’”.

— Palavra do Senhor.
— Graças a Deus!

Aclamação – A ressurreição de Jesus Cristo é o grande mistério da nossa fé, mas antes de ouvi-lo, vamos todos ficar em pé e, cantar com muita alegria, o canto de aclamação.

Evangelho
PRECES DOS FIÉIS

1. PAI DO CÉU, olhai para nós e fortalecei a vida e a ação de todos os cristãos que lutam em favor da libertação dos sofredores da vida. Confiantes, vos suplicamos:

— Senhor, dai-nos a força da ressurreição de Cristo!

2. SENHOR DA VIDA, dai paz e inspiração divina ao nosso Papa, aos Bispos, aos Sacerdotes e aos Diáconos e Leigos cristãos, para que anunciem ao mundo, com a força da ressurreição, o Evangelho de Cristo. Confiantes, vos suplicamos:

3. DEUS DE AMOR, olhai para todos os povos da terra, principalmente para aqueles que estão lutando para se desenvolver como nação, para que trilhem o caminho da paz e da justiça, e encontrem alento em suas lutas. Confiantes, vos suplicamos:

4. PAI, ESTE É O DIA que o Senhor fez para nós. Que todos nós encontremos a vida, a força da união, o compromisso fraterno e solidário em nossas ações, e sejamos um povo de ressuscitados. Confiantes, vos suplicamos:

5-Deus de amor , olhai com carinho por cada uma de nós ,  crianças, aqui presentes nesta celebração , faça-nos portadoras da vida nova , anunciadoras da salvação a todos os povos , nos te suplicamos

Ofertório – Hoje, Senhor, de uma maneira muito especial,queremos oferecer símbolos conhecidos seus, que através deles iluminaremos ainda mais nossa caminhada confiantes sempre em  seus ensinamentos.
Símbolos da nossa páscoa, símbolos de vida nova que brota com todo o presente vivo de Deus para  Conosco.

Trazemos o círio pascal é a grande vela acesa na Aleluia, simbolizando a luz dos povos, em Cristo e o caminho que todos devemos percorrer com Ele.

Trazemos o cordeiro que simboliza Cristo, sacrificado em favor do seu rebanho; somos nós também que devemos sacrifícios ao nosso Deus, que devemos ser mansos e humildes de coração como Jesus nos ensinou.

Trazemos até o altar o ovo símbolo da vida nova que brota que nós cristãos possamos nos multiplicar em ações concretas junto a Deus e aos irmãos. revelando-nos bons diante do grande amor que Deus nos coloca

Trazemos a cruz, que mistifica todo o significado da Páscoa, na ressurreição e também no sofrimento de Cristo. Não somente um símbolo da Páscoa, mas o símbolo primordial da fé católica que devemos alimentar todos os dias.

Trazermos o girassol flor que está sempre voltada para o sol assim como todos nós, cristãos, devemos estar sempre voltados para o amor do nosso Deus.

Trazemos o coelho, que representa o poder da criação, ele é um animal que reproduz com facilidade, assim também queremos e trabalharemos para que os filhos de Deus possam conhecer os seus ensinamentos e eles o revelem para o mundo todo, nos tornando uma grande família no amor de nosso Deus.

Trazemos também os sinos que tocam anunciando a todos a ressurreição do nosso Jesus, que nossa vida possam sempre ser assim, cheia de alegria ao professar a vida nova para todos e levá-las aqueles que ainda não conhecem o poder de nosso Deus.

Oferecemos também o pão e o vinho, simbolizando a vida eterna, o corpo e o sangue de Jesus, oferecido aos seus discípulos e que todos agora recebemos de nosso Deus.

Comunhão
– Hoje é um dia de muita festa. A vida nova brotou da morte, de onde só havia tristeza surgiu à luz, por isso vamos cantar, vamos nos alegrar, Jesus ressuscitou.

Ação de graças
- Há mais de dois mil anos atrás, um homem veio ao mundo disposto a ser o maior exemplo de amor e verdade que a humanidade conheceria:

Sua proposta de vida não foi entendida por muitos e então, condenaram este homem e crucificaram-no, ignorando todos os seus propósitos de um mundo melhor.

Houve dor, angústia e escuridão.

Por três dias, o sol se recusou a brilhar, a lua se negou a iluminar a Terra, até que no terceiro dia algo aconteceu...

Houve a Ressurreição!
A Páscoa existe para nos lembrar deste espetáculo inigualável chamado ressurreição!
Páscoa é...
Ressurreição do sorriso... Ressurreição da alegria de viver...
Ressurreição do amor... Ressurreição da amizade...
Ressurreição da vontade de ser feliz.
Ressurreição dos sonhos, das lembranças e de uma verdade que está acima dos ovos de chocolate e dos coelhinhos.
Cristo morreu, mas ressuscitou e fez isso somente para nos ensinar a matar os nossos piores defeitos e ressuscitar as maiores virtudes sepultadas no íntimo de nossos corações.
Que esta seja a verdade da sua Páscoa!
Feliz Páscoa!!!!

 
Jesus e as crianças
Toda semana você encontra aqui teatrinhos e historinhas que auxiliam na compreensão da Santa Missa.
Você utiliza as historinhas na missa? Adiante a preparação da missa adquirindo os livros dos 3 anos litúrgicos: A - B e C.

São no total 168 historinhas por apenas: R$ 35,00 e FRETE GRÁTIS (o kit com os 3 livros).

Caso tenha interesse nesses livros clique aqui para conhecer melhor.
Historinha da semana:
Assalto na fábrica de chocolate

Técnica: Dramatização
Personagens: Coelhinhos 1, 2, 3, 4; 5- Narrador; 6- Pé-de-Moleque; 7- Rapadura.
Cenário: uma mesa, algumas panelas bem grandes, caixas e uma grande coelha de pelúcia. (Os bandidos usam linguagem coloquial)

Era uma vez uma fábrica de chocolate onde trabalhavam muitos coelhinhos. E sabe o que eles fabricavam? Um tipo de ovo chamado por todos de Ovo de Páscoa!
Noite e dia... dia e noite sem cessar lá estavam os coelhinhos a trabalhar... Os ovos da verdadeira páscoa que fabricavam eram muito especiais e tinham um segredo guardado a 7 chaves, onde somente quem experimentava é que sabia o efeito que a Páscoa lhe proporcionava:
- 1 - Acho melhor, guardarmos bem esta receita para ela nunca de perder, mas onde será que a colocaremos?
Todos os coelhinhos pensam
- 2 - Ah, já sei! Guarda no coração da grande coelha. Lá ninguém suspeitará e assim poderemos dormir tranqüilamente.
- 3 - Agora sim! Não tem perigo de ninguém roubar a Páscoa da gente!
- 4 - E quem vai vigiar a fábrica?
- 5 - Já sei! Vamos pedir às crianças! Olha aqui as crianças: vocês fiquem de olho na fábrica para ninguém roubar a receita do ovo da verdadeira Páscoa, está certo? Nós vamos dormir, pois trabalhamos bastante por hoje, tá?
(Entram sorrateiramente os assaltantes Pé-de-Moleque e Rapadura)
Mas, vejam só crianças! Quem vem lá se não é a terrível dupla: Pé-de-Moleque e Rapadura!
- Pé-de-Moleque - É Rapadura! Vê se agora você num errou o mapa e a gente não veio parar de novo na casa dos padres! Porque aquele assalto... Benze a Deus! Foi um desastre. Onde já se viu uns bandidos famosos “quiném nóis rouba” uma miséria de cobre da sacolinha dos coroinhas? Também num sei que idéia é essa, roubar padre, desde quando padre tem dinheiro?
- Rapadura - É mesmo, chefinho, “nóis” devia ter roubado é o dinheiro dos santos!
- Pé-de-Moleque - É, seu bocó! E desde quando santo tem dinheiro? Tu não és mais burro por falta de espaço!
- Rapadura - E isso é bom, chefinho?
- Pé-de-Moleque – “Ce” vai vê agora mesmo! Vamos descobrir o que essa tal receita de páscoa tem de tão especial, porque nóis é desempregado e, por causa, disso virou bandido!
- Rapadura - É mesmo, chefinho! “Nóis rouba a "tarl" receita, vende ela pra Nestrê,” e vai ficar rico e aplicar tudo na borsa!
- Pé-de-Moleque - Só se for no borso da calça! Cê num sabe que a tal da bolsa é fria? É um sobe e desce “quinem” escada rolante! Mas, aonde será que tá essa “tarl” de receita?
- Rapadura - Vai vê, chefinho, deve tá na caderneta de receita e se eu soubesse que ocê queria uma eu tinha trago a da vovó!
- Pé-de-Moleque - Cala a boca, Mané! Psiu, vamos procurar sem fazer barulho (tropeçam caem, fazem barulho, um coelho acorda e rapadura dá uma cacetada nele e ele desmaia, chegam a procurar por todos os lugares e nada, até que chegam nos coelhos.)
- Pé-de-Moleque - Algo me diz que o segredo está por aqui. Ah, raramm! Será que é aqui? Aqui? Quem sabe se não é aqui?
 (Rapadura se abraça com a coelha)
- Pé-de-Moleque - Dá essa coelhona aqui, que ela tá com cara de bandida, de quem comeu a carne e guardou o osso.
- Rapadura - É, dá nela, chefinho, seja esperto!
- Pé-de-Moleque - E aí coelhinho, vai falando, senão “nóis vamo fazê docê” um assado!
- Rapadura - Fala... Fala... Cadê a receita? Cadê?
   (Os dois sacodem, puxam, enforcam e a coelha e a tal receita cai... Os ladrões se espantam, choram de emoção, abrem e tentam ler).
- Rapadura - Chefinho, tem um desenho aqui, num tô conseguindo sabê se é um morro de cabeça para baixo ou para cima.
- Pé-de-Moleque - Deixa eu vê seu analfabeto, ignorante isso é um V, mas diz aqui "Páscoa é Vida Nova com Jesus" (soletrado). Mas quê isso? Que receita é essa?
- Rapadura - Num te falei, chefinho que a da minha vó é melhor?
- (todos os coelhinhos já acordados... juntinhos... assustam os bandidos)
- Coelhos - Ah! Ah! Mas o que é isso?
- Pé-de-Moleque - Isso é um assalto! Mãos pro alto! É num treme não viu, que os padre tremeu e eu não consegui levar nadica de nada.
- Rapadura - Nadinha, não! Levou o dinheirinho do padre que fez aniversário, o relógio do outro, a sacolinha de ofertas... Quanta maldade!
- Pé-de-Moleque - Tá com dó? Devolve pra eles!
- Rapadura - Nóis queremos a receita da tal Páscoa, que dizem que todo mundo que experimenta muda de vida...E nóis qué porque nóis vai vendê ela pra arrumá dinheiro, que nóis tá desempregado!
- 2 - Mas a receita está aí! É essa que vocês têm na mão!
- Pé-de-Moleque - Num engana nóis naum, qui nóis é perigoso, mostra pra eles, Rapadura!
    (Rapadura faz cara de mau e ensaia uns golpes de karatê rapadura imita tb).
- 4 - Mas estamos dizendo a verdade: o produto que aqui fabricamos é "Vida Nova em Cristo Ressuscitado".
- Pé-de-Moleque - Mas, cargas d´agua! O que quer dizer isso?
- 3 - Quer dizer que todos nós, dessa fábrica, trabalhamos para que pessoas como vocês possam encontrar Cristo em suas vidas!
- Rapadura - É? Aonde que tá esse Cristo? Nóis vai vendê Ele?
- 1- Cristo não se vende, se conquista...
- 3 - Ele está nas boas ações que praticamos, nos irmãos que amamos, no perdão para aqueles damos para aqueles que erram...
- 5 - Na partilha, na igualdade, na humildade...
- 1 - Em tudo que tem vida em abundância!
- 2 - E todo aquele que experimenta da nossa receita, tem essa comunhão com Ele e muda sua vida...
- Pé-de-Moleque - Quer dizer então que nóis pode ser diferente com a Páscoa?
- 4 - Mas é isso mesmo: Páscoa é a passagem, é conversão...
- 3 - Muitas pessoas, crianças, velhos, adultos, jovens, experimentam dessa mudança a cada dia. Basta querer! Vocês não querem deixar essa condição horrível que estão vivendo, para serem seguidores de Jesus?
- Rapadura - Eu quero!
- Pé-de-Moleque - Sei não!
- Rapadura- Ah! Pé-de-Moleque deixa de ser durão... Com essa vida nova, nóis vai muda de vida, nóis vai sê gente de bem...
- Pé-de-Moleque - Ah! Então tá. Eu topo viver a Páscoa, pode trazer a receita que a partir de agora, nóis tá libertado do pecado, e livre para viver uma vida nova com Jesus.
 (Comem o pão e repartem)
- 5 - Vocês, agora, estão empregados na nossa fábrica e seremos um só povo vivendo realmente a Páscoa de Jesus!
FELIZ PÁSCOA!

 
 
Fonte de pesquisa (preces e leituras) - www.homilia.com.br

 
 
xm732